06 maio 2008

Doce Mistério

Camille Claudel, Torse de Clotho, vers 1893
torse, modèle en plâtre Musée D'Orsay.



Há um espaço
fora do espaço
um tempo
fora do tempo
onde quem
perdeu a memória
o contato
não perdeu
um e outro.


Waldir, maio de 2008
Un Doux Mystère

Il y a un espace
hors de l'espace
un temps
hors du temps
où celui
qui a perdu la memoire,
le contact,
n'a perdu
ni l'un ni l'autre.